Obama vai assinar ordem executiva para permitir que jovens ilegais tirem carteiras de motorista e permissão de trabalho

0
738

Governo vai anunciar nesta sexta medida que suspende deportação de quem chegou aqui antes de completar 16 anos e hoje tem menos de 30, cursou high school e tem ficha criminal limpa

DA REDAÇÃO, COM INFORMAÇÕES DA ASSOCIATED PRESS – O governo Obama vai suspender as deportações e conceder carteiras de motorista e permissão de trabalho para imigrantes ilegais que chegaram nos Estados Unidos antes de completar 16 anos, informou hoje a Associated Press. A medida, em pleno ano de eleição, é um bálsamo para centenas de milhares.

A mundança de política, explicada à AP por dois funcionários do governo, vai favorecer mais de 800 mil imigrantes que têm vivivo à sombra da sociedade, perseguidos pelo fantasma da deportação. O ato administrativo passa por cima do Congresso e em parte funciona como uma espécie de DREAM Act, o tão esperado plano que abriria o caminho da legalização para os jovens que chagaram aos EUA ilegalmente, mas que frequentaram a escola e serviram às Forças Armadas.

A secretária de Segurança Nacional, Jante Napolitano, deve anunciar a medida nesta sexta-feira (15), uma semana antes do presidente Barack Obama reunir-se com a Associação de Latinos Eleitos e Autoridades Nomeadas, na conferêcia anual da entidade, em Orlando.
Além disso, Obama deve fazer um pronunciamento sobre a medida na tarde desta sexta, na Casa Branca.

De acordo com o plano do governo, imigrantes ilegais não poderão ser deportados se tiverem chegado aos EUA antes de completarem 16 e tiverem agora menos de 30, se permaneceram no País por pelo menos cinco anos consecutivos, não possuírem histórico criminal, formaram-se na high school ou GED, ou serviram às Forças Armadas. Os funcionários que informaram sobre o plano falaram na condição de anônimos, para poderem revelá-lo antes do anúncio oficial.

A medida não conduzirá à cidadania, mas acabará com o medo da deportação e garantirá o direito ao trabalho legal, permitindo aos que se qualificarem com ela que permaneçam nos Estados Unidos por período indeterminado.

De acordo com o plano, os imigrantes cujos casos estejam pendentes nas cortes de imigração deverão provar sua eligibilidade ao ICE, que começará a lidar com casos do gênero em 60 dias. Os joves imigrantes que se qualificarem e que tiverem uma ordem de deportação a partir de então lidarão diretamente com o U.S. Citizenship and Immigration Service.

Os detalhes de como vai funcionar o plano na prática, incluindo quanto os imigramtes deverão pagar para o programa e quais as provas que deverão apresentar para a qualificação ainda serão divulgados.

Crianças ilegais não poderão qualificar-se para a isenção de deportação até que completem 16, mas os funcionários disseram que ainda assim crianças não serão deportadas.