Orlando é a 11ª cidade mais perigosa dos EUA

0
1121

Ranking, baseado em estatísticas do FBI, foi criticado por moradores da Flórida

No ano passado, os 49 assassinatos ocorridos na região de Orlando, na Flórida, pesaram na imagem da cidade, que é o principal destino turístico do estado. De acordo com o documento ‘The 14th annual City Crime Rankings: Crime in Metropolitan America’, elaborado pela CQ Press, uma unidade da empresa Congressional Quarterly, a terra do Mickey Mouse ficou na incômoda 11ª posição entre as metrópoles mais perigosas da América. Detroit (Michigan) encabeça a lista, seguida por St. Louis (Missouri), Flint (Michigan), Oakland (Califórnia), Camden (New Jersey), Birmingham (Alabama), North Charleston (South Carolina), Memphis (Tennessee), Richmond (Califórnia) e Cleveland (Ohio).
Os dados foram computados a partir de registros do FBI, a polícia federal dos EUA, mas não agradaram a todos. A Sociedade Americana de Criminologia questionou a forma como as estatísticas foram usadas e o sociologista Jay Corzine, da University of Central Florida, acusou que o estudo foi feito às pressas, sem o cuidado necessário. “Ao chamarmos uma cidade de perigosa, temos que entender que isso implica algum risco físico aos moradores ou visitantes. Orlando é a 11ª da nação? Duvido muito”, disse Corzine.
O documento levou em consideração os índices de cidades com pelo menos 75 mil habitantes, entre eles a taxa per capita de assaltos, estupros, roubo e assassinato. Foram analisados os números de 378 cidades.