Para não deixar a batuta cair

0
653

Campanha pela Internet quer sensibilizar comunidade a respeito de projeto apoiado pelo maestro Silvio Barbato, morto no voo 447 da Air France

A queda do avião da Air France no Oceano Atlântico, há pouco mais de um mês, causou 228 mortes e certamente interrompeu muitos planos – alguns até de pessoas que sequer estavam na aeronave. Um grupo de crianças de Cruzeiro, uma cidade a cerca de 200 quilômetros de São Paulo, luta, porém, para manter vivo o seu sonho, que foi por muito tempo alimentado por um dos brasileiros que estava naquele Voo 447. Explica-se: o maestro Sílvio Barbato, ex-diretor artístico da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional, era padrinho de honra do Instituto Karinha de Criança, que há mais de oito anos ajuda na formação de menores carentes da região e estava empenhado na formação da primeira orquestra sinfônica juvenil de Cruzeiro, inclusive enviando doações em dinheiro e de instrumentos. O projeto, agora, está ameaçado pela fatalidade.

“Não podemos deixar esta batuta cair”, afirma Sandra Barbato, uma das pessoas que luta para manter vivo o sonho do irmão Silvio e de dezenas de crianças do interior de São Paulo. Moradora de Scottsdale, no Arizona, ela tem usado a Internet para divulgar junto à comunidade brasileira a atividade na qual o maestro estava envolvido até morrer, no dia 1º de junho. O objetivo da campanha é sensibilizar empresários, o poder público no Brasil e a sociedade em geral a apoiar a iniciativa, mesmo sem a presença de seu maior incentivador. “Precisamos que um milhão de pessoas acessem o link do youtube com o vídeo do projeto”, torce Sandra, em entrevista pelo telefone com a reportagem do AcheiUSA. Em pouco mais de uma semana, o seu esforço resultou em cerca de 1.200 acessos.

Aqui no sul da Flórida, muitos brasileiros já aderiram à campanha e têm acessado o link. A mineira Heloísa Machado, do Brazilian Voices, assistiu ao vídeo e ficou sensibilizada com a dedicação do maestro à causa, que tirou menores carentes das ruas e colocou a música em suas vidas. “Nós, cantoras, possuímos tanta sensibilidade para tudo o que diz respeito à música. Temos, com esse vídeo, a oportunidade de ajudar a dar continuidade ao projeto”, disse Heloísa em um e-mail enviado às amigas do maior grupo vocal brasileiro. Num dos trechos do vídeo, o maestro diz que “a dedicação, o coral e a música são objetos de transformação de cidadania e inclusão social”.

O projeto Karinha de Criança foi idealizado pela prefeita de Cruzeiro, Ana Karin Quental, amiga da família Barbato. Pouco antes de embarcar no voo da Air France, o maestro mandou um e-mail para a Ana, reiterando o seu apoio à criação da orquestra sinfônica juvenil. Como não poderia deixar de ser, o grupo receberá o nome de Sílvio Barbato. O link para que todos possam acessar é www.youtube.com/watch?v=sNhPQJr0i7Q.