Histórico

Popularidade de Obama em alta

Apoio ao presidente subiu 11 pontos percentuais após operação que matou Osama Bin Laden

Nada como um dia após o outro. Para o presidente americano, Barack Obama, que enfrentava problemas de popularidade junto à população por conta do alto índice de desemprego, do preço exorbitante da gasolina e da crise que teima em não deixar o país, os últimos dias foram de redenção: o apoio popular ao chefe da nação subiu 11 pontos desde que ele anunciou em rede nacional que a operação das forças americanas no Paquistão terminou com a morte do terrorista Osama Bin Laden.
De acordo com uma pesquisa conduzida pelo New York Times em parceria com a rede de televisão CBS, a aprovação ao presidente subiu para 57% – no mês passado o índice estava em 46%. Mas que Obama não fique muito animado: após a captura de Saddam Hussein, em dezembro de 2003, a popularidade de George W. Bush subiu oito pontos, mas logo voltou ao patamar anterior no mês seguinte. E ainda metade dos eleitores considera que o desempenho do democrata na condução da política econômica ainda deixa a desejar.