Primeira tempestade de inverno cobre o Centro-Oeste dos EUA

0
985

A neve alcançou até 30 centímetros de espessura em amplas áreas desde Wichita (Kansas) até o sul de Oklahoma; vôos foram cencelados no Texas e em Illinois

A primeira grande tempestade de inverno nos EUA cobriu de neve regiões que abrangem desde o Texas a Michigan, forçou o cancelamento de centenas de vôos de aviões e interrompeu o trânsito nas estradas das planícies e do Meio-Oeste.

O Serviço Meteorológico Nacional emitiu uma advertência de “tempestade severa” para o Distrito de Columbia, o norte e centro de Maryland, o leste de Ohio, o oeste e centro da Pensilvânia, o norte da Virgínia, e o nordeste da Virgínia Ocidental.

As autoridades esperam chuvas de granizo e tempestades com ventos de até 130 km/h.

A primeira grande tempestade avançou a partir do noroeste e das Montanhas Rochosas no início da semana, e nesta sexta-feira, 1º, se movimentava em direção ao nordeste através de Illinois, rumando para o Canadá.

As autoridades divulgaram avisos de neve com ventos fortes em algumas partes de Oklahoma, e no leste do Missouri.

No sudoeste de Illinois, mais de 400 mil casas e empresas ficaram sem energia elétrica, porque o gelo derrubou muitos galhos e rompeu cabos de alta tensão.

O aeroporto internacional O´Hare de Chicago (Illinois) cancelou mais de 400 vôos, enquanto a neve e a chuva gelada forçaram o cancelamento de outros 200 vôos no aeroporto internacional Dallas-Fort Worth, no Texas.

A neve alcançou até 30 centímetros de espessura em amplas áreas desde Wichita (Kansas) até o sul de Oklahoma, e a governadora do Kansas, Kathleen Sebelius, declarou o estado de emergência em 27 condados do Estado.

Também houve avisos das autoridades sobre nevadas com ventos fortes em Milwaukee (Wisconsin) e em Quincy (Illinois), e se aconselhou que só os motoristas de veículos com tração nas quatro rodas saiam nas estradas.