Programa de intercâmbio de estudantes estrangeiros tem mais de um milhão de alunos nos EUA

0
952

O programa federal para intercâmbio de estudantes (Student and Exchange Visitor Program – SEVP) liberou na quarta-feira (8) o seu relatório trimestral com as estatísticas sobre a presença de estudantes estrangeiros em solo americano. O relatório é baseado no sistema online do programa, que inclui informações sobre os intercambistas e seus dependentes enquanto estão nos EUA.

Até o dia 1º de abril deste ano, quase 1.02 milhões de estudantes estrangeiros, portadores de vistos dos tipos F (acadêmico) ou M (vocacional), estavam matriculados em quase 9 mil escolas americanas, um incremento de dois pontos percentuais com relação a janeiro. Setenta e cinco por cento de todos os estudantes vieram da Ásia, sendo 29% de origem chinesa. Arábia Saudita e Índia ficaram com a maior porcentagem de aumento de estudantes intercambistas, com 10% e 8% de crescimento, respectivamente, comparados aos números de janeiro. Os dez países que mais enviaram estudantes para os EUA foram China, Índia, Coreia do Sul, Arábia Saudita, Canadá, Japão, Taiwan, Vietnã, México e Brasil.

O relatório de abril também inclui informações relevantes sobre a procura pelos estudantes dos cursos que fazem parte do grupo STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática, na sigla em inglês). Sessenta e sete por cento dos estudantes estrangeiros matriculados em algum curso que faz parte do STEM são homens. Quarenta e três por cento dos alunos das áreas do STEM cursam Engenharia. Quarenta e oito por cento dos alunos indianos estudam alguma área do STEM, enquanto somente 8% dos alunos que vêm do Japão estudam em áreas do STEM.

Outra estatística relevante é de que Califórnia, New York e Flórida são os estados com o maior número de escolas certificadas pelo SEVP, as únicas autorizadas a aceitar matrículas de alunos estrangeiros no programa.

O SEVP monitora cerca de um milhão de estudantes estrangeiros em busca de cursos acadêmicos ou vocacionais nos EUA (portadores de vistos F e M) e seus dependentes.

As agências federais monitoram os programas para assegurarem-se de que os estudantes e escolas respeitem as leis americanas. As informações são repassadas para outras agências federais, incluindo o Immigration and Customs Enforcement (ICE) e o CBP (Customs and Border Patrol), de forma a garantir a entrada e a permanência legal somente dos estudantes aprovados pelo programa.

Previous articleBoatos assassinos
Next articlePreso um dos sócios da TelexFree
Fundado em outubro de 2000, o AcheiUSA Newspaper é um jornal semanal em português distribuído gratuitamente por centenas de estabelecimentos comerciais brasileiros, americanos e hispânicos, espalhados pelo estado da Flórida. Com notícias locais, imigração, cultura, agenda de eventos, cobertura social, negócios e a maior seção de anúncios classificados grátis em português fora do Brasil, o AcheiUSA é o mais completo e popular portal para os brasileiros vivendo nos Estados Unidos.