Projeto de lei pode negar serviços a imigrantes ilegais na Georgia

0
1500

Aumenta a pressão anti-imigrante nos estados do sul dos Estados Unidos

DA REDAÇÃO – Um projeto de lei na Assembleia Legislativa da Geórgia pode impedir os imigrantes de obter licenças para casamentos e acesso aos serviços de água e esgoto no estado se não puderem demonstrar que vivem legalmente no país.

O projeto de lei, de autoria do senador estadual republicano Barry Loudermilk, chamou a atenção porque proíbe ainda os imigrantes de se matricularem nas universidades e escolas técnicas estaduais.

Uma cláusula retira o passaporte estrangeiro da lista de documentos de identidade que os órgãos estaduais podem aceitar para certas operações. O passaporte terá de estar acompanhado pelo documento federal de imigração a fim de demonstrar que a pessoa reside legalmente no país.

Isto impediria os imigrantes de ter acesso aos serviços de água ou a obtenção de licenças de casamento.

Loudermilk disse que estas foram consequências não previstas e que seguramente serão corrigidas com a nova lei.