Histórico

Reforma imigratória deve ficar para 2007

Segundo Vicente Fox, Bush teria dito que não vê possibilidade de aprovar a reforma em 2006

Os rumores de que a reforma imigratória não será aprovada ainda no ano de 2006, pela primeira vez foi verbalizada por alguma autoridade. A afirmação partiu do presidente mexicano Vicente Fox, que expressou a preocupação com o futuro dos imigrantes nos Estados Unidos.
Fox afirmou que teria ouvido do próprio presidente George W. Bush, em recente encontro durante a reunião do G-8, na Rússia, que ele, Bush, “achava difícil” o Congresso de Washington aprovar a reforma antes do final do ano.
O motivo, segundo o presidente norte-americano, seria a proximidade das eleições, que deve tomar toda a atenção dos congressistas pelos próximos meses. As eleições acontecem no dia 7 de novembro.
Ainda segundo Fox declarou à imprensa internacional, Bush afirmou que manterá o compromisso de aprovar a reforma e que fará todo esforço para que a legalização dos milhões de indocumentados saia do papel em 2007.

Baixe nosso aplicativo