Renovação de carteiras de motoristas está mais cara na Flórida a partir de setembro

0
538

Reajuste de até 140% em alguns casos foi adotado para equilibrar orçamento estadual

Os departamentos de trânsito do estado (Florida Department of Highway Saftey and Motor Vehicles) lotaram nesta segunda-feira, um dia antes do aumento das taxas relativas a renovação da carteira de motorista e emplacamento, entre outros. O reajuste, em alguns casos de até 140%, entra em vigor no primeiro dia de setembro.

O valor a ser pago para quem pretende tirar o documento de habilitação pela primeira vez pulou de 27 para 48 dólares. O aumento mais significativo aconteceu para a renovação das carteiras pelo prazo de seis anos: de 20 para 48 dólares, um reajuste de 140%. O governo informa que muitas destas taxas estavam há cerca de 20 anos sem serem reajustadas e que a medida é importante para salvar empregos de servidores públicos estaduais.

Para evitar pagar a mais a partir de setembro, muitos residentes da Flórida também congestionaram o website do órgão estadual nos últimos dias e muita gente não conseguiu confirmação do pedido de renovação das placas dos veículos. “O sistema simplesmente não conseguiu suportar o volume de acessos”, admitiu o porta-voz do Florida Department of Highway Saftey and Motor Vehicles, Dave Westberry. Normalmente o site consegue operar 400 mil transações por dia, mas na última sexta-feira mais de 900 mil tentativas foram feitas. Ele, porém, informou que o motorista que tentou realizar a operação e não obteve sucesso poderá pagar as taxas posteriormente, ainda com o valor antes do reajuste.

Heather Lorndono, um dona-de-casa de Miami, foi uma das pessoas que procurou se valer do preço antigo. “Eu não precisaria renovar a carteira tão cedo, mas acho que valeu a pena para economizar alguns dólares”, explicou. Na verdade, os legisladores estaduais decidiram majorar muitos outros serviços também, num total de 2,2 bilhões de novas taxas e impostos a serem pagos pelos floridianos. “Será que eles não poderiam esperar passer esta crise?”, questionou Carolina Gonzalez, de Miami, argumentando que há muita gente sem emprego na região. Ela demorou uma hora para renovar sua placa.

O aumento foi decidido pelo Senado estadual, controlado pelo Partido Republicano – todos os parlamentares democratas votaram contra o reajuste. “Os legisladores republicanos provaram que não se preocupam com a classe média”, lamentou o líder da minoria naquela casa, o democrata Franklin Sands, de Weston. O governador do estado, Charles Crist, que sancionou a lei, disse que preferia não ter autorizado o aumento, mas “era necessário para equilibrar o orçamento”.

Previous articleExclusão digital no Brasil
Next articleTornados assustam a América do Sul
Fundado em outubro de 2000, o AcheiUSA Newspaper é um jornal semanal em português distribuído gratuitamente por centenas de estabelecimentos comerciais brasileiros, americanos e hispânicos, espalhados pelo estado da Flórida. Com notícias locais, imigração, cultura, agenda de eventos, cobertura social, negócios e a maior seção de anúncios classificados grátis em português fora do Brasil, o AcheiUSA é o mais completo e popular portal para os brasileiros vivendo nos Estados Unidos.