Republicanos querem processar Obama por ações de imigração

0
556

Os deputados republicanos no Congresso estão considerando uma ação legal contra o presidente Obama por causa das medidas imigratórias anunciadas por ele no final do ano passado, no que pode se constituir em mais um empecilho legal para o governo na questão.
O presidente da Câmara (Speaker of the House), John Boehner, levantou a questão na terça-feira (27), durante uma reunião fechada com a bancada republicana.

Até agora a ação é apenas uma hipótese e nenhum cronograma foi estabelecido para a proposta. Uma opção é unir-se a outra ação contra as medidas, já impetrada por alguns estados da união.

A ideia ultrajou os democratas, que acusaram a oposição de querer transformar o Congresso num “circo”.

“Mais uma vez, os deputados republicanos apelam aos tribunais para livrarem-se das responsabilidades que lhes cabem”, disse em nota Drew Hammil, porta-voz da líder democrata no Senado, Nancy Pelosi. “Os republicanos deveriam parar de desperdiçar milhões de dólares em dinheiro dos contribuintes para processar o presidente, e começar a mostrar alguma seriedade com relação à segurança do povo americano”.

A ação legal, entretanto, é um segundo plano para a liderança republicana. O partido quer antes ver o que vai acontecer com uma medida já aprovada na Câmara para derrubar os planos de Obama.
O líder da maioria no Senado, Mitch McConnel, prometeu por à votação a lei aprovada na Câmara, logo após a deliberação sobre o oleoduto de Keystone XL, o que pode acontecer já na semana que vem.