Serra consolida posição e vê Dilma cair nas pesquisas

0
766

Governador de SP tem o menor índice de rejeição entre pré-candidatos e lidera corrida

O cenário não poderia ser mais favorável ao governador de São Paulo, José Serra, do PSDB, na corrida pela sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 2010. Além de se consolidar na liderança das pesquisas, ele vê a sua principal adversária na disputa, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, cair na preferência do eleitorado.

Segundo pesquisa CNI/Ibope divulgada esta semana confirmou o favoritismo do Tucano, a pouco mais de um ano no pleito. De acordo com o levantamento, o pré-candidato tucano lidera todas as simulações, com até 34% das intenções de voto para a Presidência. Mais do que isso: Serra tem o menor índice de rejeição junto à sociedade, com apenas 30%.

Os números mostram que o desempenho de Dilma Rousseff, que já foi apresentada como candidata do governo, está em queda livre. Em todos os cenários, ela é superada não apenas por Serra, mas também pelo deputado Ciro Gomes (PSB-CE). A pesquisa incluiu, pela primeira vez, o nome da senadora do Partido Verde, Marina Silva, como possível candidata, mas ela não passou de 8%.

O Ibope questionou ainda quais as áreas eram consideradas prioritárias para os eleitores no tocante à atuação do próximo presidente e a pesquisa mostrou que a saúde é a maior preocupação.