Sonho de ter um imóvel em Miami é realidade para brasileiros

0
893

Participação de brasileiros no mercado saltou de 9% para 12% entre 2010 e 2011

Ana Paula Franco

Sonia Guerreiro e Sergio Sanchez com seu recém-adquirido apartamentoComprar o imóvel dos sonhos em Miami, em áreas nobres e valorizadas, sai muito mais em conta do que no Brasil. Por esse motivo, a participação de brasileiros no mercado imobiliário de Miami saltou de 9% para 12% entre 2010 e 2011 segundo a Miami Association of Realtors, associação de corretores local. Se a tendência se mantiver, o país deve superar a Venezuela e se tornar líder entre os proprietários estrangeiros na cidade americana.

Os preços nos Estados Unidos caíram muito com a crise financeira, e agora estão se recuperando num caminho inverso ao que ocorreu no Brasil. De acordo com a corretora de imóveis em Miami, Sonia Guerreiro, da Kangarealty, a maioria dos investidores tem como maior atrativo os preços que, apesar de terem subido consideravelmente no ano passado em torno de 20% ainda são muito convidativos se comparados ao mercado imobiliário do Brasil, em especial das grandes cidades como São Paulo e Rio de Janeiro. “Os preços de apartamentos com vista para o mar no Brasil são muito altos. Aqui temos lindos imóveis com ótimos valores. A maioria dos brasileiros aqui busca a waterview e as áreas mais procuradas são Miami Beach, Sunny Isles, North Bay Village, Aventura, Boca Raton e Palm Beach”, afirma.

Outros atrativos são a facilidade de financiamento, que pode chegar a 30 anos, e os juros bem abaixo dos encontrados no mercado brasileiro. Além disso, a região está recebendo investimentos em infraestrutura, com a construção de novas ruas e túneis.

Além dos preços convidativos, a questão da segurança também é um aspecto muito levado em conta pelos brasileiros. Segundo Sonia Guerreiro, qualidade de vida e a compra de imóveis para investimento também podem ser enumerados. “Ultimamente tenho visto muitos brasileiros que querem fazer um misto de investimento: compram o imóvel para férias, usando-o de dois a três meses no ano e alugando o resto do ano”, disse.

O empresário brasileiro Sergio Sanchez acaba de comprar um apartamento na região de Aventura e vai se mudar para a cidade. Ele decidiu se mudar para os Estados Unidos, segundo ele, por ser um país pujante que prioriza a distribuição de renda, além de ser seguro e muito mais barato que o Brasil. “É hora de comprar imóveis em Miami! A cidade é bela, segura, funciona! As pessoas trabalham se divertindo. Os turistas encantam a cidade e ficam encantados”, diz. 

Como cidadão brasileiro radicado em São Paulo, Sergio se diz desapontado com o Brasil. Ele reclama do excesso de impostos para tudo o que é consumido de mercadorias a serviços. Sergio adquiriu um imóvel de frente para o mar. “Para mim, o maior lucro é a saúde, a vista privilegiada, o ar puro e a água azul turquesa”.  Ele afirma que muitos de seus amigos estão interessados em investir em Miami. “Miami significa esperança. Miami é vida!”.

Para adquirir um imóvel na região de Miami é importante procurar uma corretora de confiança. Segundo Sonia Guerreiro, a melhor alternativa para aqueles que desejam fazer negócios em Miami é buscar uma corretora especializada que conheça todos os procedimentos necessários e indique opções de investimento.

SAIBA MAIS

  • Brasileiros responderam por 12% das compras de imóveis em Miami. 
  • 30% dos brasileiros compram casas de menos de US$ 100 mil.
  • O preço médio das casas adquiridas por brasileiros em Miami é de US$ 215 mil, acima da média global, de US$174,7 mil.
  • Entre aqueles que fecham negócio, 85% pagam à vista e apenas 15% financiam os imóveis.
  • 47% dos brasileiros compram imóveis em Miami para passar férias, 17% para fazer investimento e 23% declaram ter os dois objetivos.

Fonte: Miami Association of Realtors