Talibãs matam mais de 100 pessoas em escola no Paquistão

0
557

Pelo menos 126 pessoas, a maioria crianças e adolescentes, foram mortos em um ataque do Talibã contra uma escola para filhos de militares em Peshawar, principal cidade do noroeste do Paquistão, informaram as autoridades locais. Outras 122 pessoas ficaram feridas, segundo a Reuters.

Cerca de nove horas depois do início do ataque, o Exército anunciou o fim dos combates, com a morte de nove agressores.
Segundo as autoridades do Paquistão, algumas crianças chegaram a ser feitas reféns por homens do Talibã dentro da escola. As forças de segurança cercaram o local, entreando em combate com os militantes.

Muitos alunos foram executados com tiros na cabeça, informou o ministro provincial da Informação, Mushtaq Ghani.

De acordo com a imprensa local, um grupo de seis insurgentes vestidos com uniformes do exército entrou na escola durante a manhã. As forças de segurança rodearam o edifício e entraram em confronto com os extremistas.

Segundo testemunhas, uma forte explosão sacudiu a escola pública. Depois disso, os terroristas – que usavam uniformes militares -, percorreram sala por sala atirando nos estudantes.