Tuma Junior tira férias e torce para poeira abaixar

0
481

Secretário Nacional de Justiça é acusado de ligação com a máfia e já estaria demissionário

Abandonado pelo Governo depois de suspeitas ligações com a máfia chinesa, o secretário Nacional de Justiça, Romeu Tuma Júnior, decidiu tirar férias para a poeira abaixar em Brasília. No entanto, a demissão dele já foi acertada com o ministro da pasta, Luiz Paulo Barreto, a pedido de Lula.

Apesar dos fortes indícios, inclusive de um dossiê na Polícia Federal, Tuma Júnior pretende se dedicar à sua defesa na Comissão de Ética da presidência da República. Além disso, preciso dar assistência à minha família, que está abalada com a divulgaçãodestas notícias falsas, afirmou o secretário.

Tuma Jr. não negou a amizade com Paulo Li, contrabandista chinês e um dos chefes da máfia chinesa em São Paulo. Segundo denúncias, o secretário ajudou Paulo Li a regularizar a situação de imigrantes ilegais e interveio para liberar mercadoria apreendida recentemente. Eu sou um servidor público. Toda pessoa que me procurar em relação à minha atuação profissional eu sou obrigado a atender, justificou, acrescentando que ficou amigo do ser humano, antes de saber que o chinês era um criminoso.