Uma voz brasileira na prefeitura de Deerfield

0
537

Jimmy Albuquerque vai se candidatar a commissioner

Muito se fala da necessidade de se ter uma representatividade brasileira mais efetiva dentro dos órgãos públicos na América. Pois bem, aqui no sul da Flórida, em Deerfield Beach especificamente, a oportunidade apareceu: o pernambucano Jimmy Albuquerque vai concorrer ao cargo de commissioner da cidade – uma espécie de vereador – e espera o apoio dos conterrâneos, não necessariamente com os votos, mas com o apoio à sua candidatura. “Os brasileiros poderão ser meus cabos eleitorais”, torce o empresário, dono da imobiliária Flórida 2000, a primeira voltada para a nossa comunidade.

Jimmy conta que sempre se esquivou dos convites feitos para entrar na política. “Meu pai, que era líder sindicalista, morreu devido ao seu engajamento político, por isso eu costumava torcer o nariz para essa possibilidade”, conta. No entanto, ele acredita que o momento é oportuno para fazer a diferença em Deerfield Beach. Sua plataforma de campanha será o lançamento de um projeto semelhante à fazenda-modelo, muito comum nos anos 80 no Rio de Janeiro, que tem como objetivo a reintegração dos moradores de rua à sociedade. A idéia é criar pólos agrícolas em que os sem-teto pudessem se dedicar ao plantio de alimentos e criação de animais para posterior venda.

Ele admite que o projeto é ousado, mas já conta com o apoio de empresários de peso e líderes religiosos – de várias nacionalidades – para tornar o seu sonho uma realidade. “Só em Broward são mais de 500 famílias consideradas ‘homeless’ e que ficam largadas pelas ruas do condado, o que traz prejuízos para todos”, argumenta o empresário, que vive há 40 anos na América. Além do projeto, ele quer também ser a voz da comunidade e representante dos brasileiros na esfera política. “É interessante que tenhamos alguém para interceder a nosso favor”, disse.

Jimmy é casado pela segunda vez e tem três filhos. Já foi tanto executivo de multinacional como motorista de caminhão, depois de uma juventude onde pensou em se tornar padre. Nos últimos anos, além das atividades na imobiliária, começou a atuar na área de auto-ajuda e recentemente lançou um CD, chamado ‘O segredo do segredo’, cuja venda ajudará custear sua campanha: “Não preciso de muito dinheiro, mas sim que as pessoas saibam quem eu sou e quais os meus planos para a cidade”, explica. Para tanto, ele pretende percorrer os quatro cantos de Deerfield Beach, em especial a seção 3 (a oeste da I-95), que é a área de sua jurisdição.

As eleições acontecem em março de 2009 e até janeiro do próximo ano Jimmy quer trabalhar nos bastidores para viabilizar a ainda inédita entrada de um brasileiro no meio político do sul da Flórida. Ele quer aproveitar sua vivência – já morou na África, Oriente Médio e Canadá – para convencer os eleitores de que pode prestar um excelente serviço à cidade. Quem quiser fazer contato com o candidato, que é também chairman dos comitês comerciais de Belo Horizonte aqui nos Estados Unidos, o telefone é (954) 815-4559.