USCIS encerra concessão de vistos de trabalho H-1B no ano fiscal 2021

Justificativa é que a cota anual de 85 mil vistos foi esgotada. Requerimentos relativos aos vistos H-1B de trabalhadores que já estão nos EUA serão processados normalmente

0
2035
Processo voltará a ser aberto no próximo ano fiscal ( foto: wikimedia)
Petições voltarão a ser aceitas no ano fiscal 2022 ( foto: wikimedia)

O U.S. Citizenhip and Immigration Services (USCIS) não está mais aceitando pedidos de visto H-1B (para trabalhadores qualificados) no ano fiscal 2021.

“Concluímos o envio das notificações de não selecionados para as contas online dos candidatos”, escreveu a agência de imigração em um comunicado no qual também diz que o “processo voltará a ser aberto no ano fiscal 2022”.

A suspensão no processamento das petições se aplica tanto aos vistos H1-B regulares como àqueles destinados a imigrantes com diploma de curso superior ou mestrado obtido em uma universidade americana. A cota anual de distribuição desses vistos é 85 mil e, segundo a agência, está esgotada.

A medida, entretanto, não impacta outros requerimentos relacionados aos vistos H-1B de trabalhadore que já se encontram em solo americano, como:

  • Pedido de ampliação do tempo para que um funcionário H-1B atual possa permanecer nos Estados Unidos;
  • Alteração dos termos de emprego dos atuais trabalhadores H-1B;
  • Permissão para que os atuais trabalhadores H-1B mudem de empregador;
  • Permissão para que beneficiários do H-1B trabalhem simultaneamente em dois empregos com o visto

Esta categoria de visto permite que estrangeiros com especialização em determinada área de conhecimento trabalhem legalmente nos EUA.

Antes de encerrar seu mandato, o ex-presidente Donald Trump endureceu a concessão dessas permissões de trabalho, como forma de frear também a imigração legal no país.

Uma das medidas decretadas por Trump e que entra em vigor no próximo dia 8 de março, restringe a elegibilidade dos candidatos impondo critérios que combinam nível educacional, experiência e valor do salário que será pago. Com isso, menos pessoas estarão aptas a concorrer.

O ano fiscal nos EUA termina no dia 30 de setembro de 2021.