Varejo nos EUA mostra sinais de recuperação

0
616

Wal-Mart anuncia contratação de 22 mil trabalhadores

Primeiro foi a divulgação de pesquisa mostrando que a confiança do consumidor americano subiu pelo terceiro mês seguido. Depois, a constatação de que o número de trabalhadores que entraram com pedido de auxílio-desemprego nos Estados Unidos caiu mais que o previsto e que o número de pessoas que recebem auxílio-desemprego recuou pela primeira vez em 2009. E a semana se encerra com mais uma boa notícia para a economia do país: a Wal-Mart, a maior empresas do varejo domundo, anunciou que vai criar 22 mil postos de trabalho ainda este ano com a expansão ou abertura de 150 lojas.

“Nestes tempos econômicos difíceis, estamos orgulhoso de poder criar empregos de qualidade para muitos americanos”, disse o vice-presidente do Conselho de Administração da empresa, Eduardo Castro-Wright. A decisão foi motivada pelo bom resultado das vendas globais líquidas da rede, que somaram quase 30 bilhões de dólares – um crescimento de 2,4% ante o período correspondente de 2008.