‘Welcome to Miami’ recepciona brasileiros

0
589

Feira brasileira Boulan South Beach foi montada para os principais compradores de imóveis na Flórida

Estrangeiros foram responsáveis por cerca de US$12,7 bilhões na Flórida no ano passado, com compradores latino-americanos, europeus e canadenses adquirindo casas em áreas como Miami e Fort Lauderdale. Mais especificamente, o grupo abastado de compradores do setor imobiliário brasileiro é responsável pela maior parte desse crescimento.

Para atender a esta demanda, foram construídas residências luxuosas em Boulan South Beach. Onde cada movimento é icônico, a oportunidade de viajar pelo Brasil apresentando a propriedade a seus corretores do setor imobiliário e aos compradores em potencial surgiu como uma oportunidade imperdível.

Bert E. Brodsky, um vanguardista humanitário e desenvolvedor do Boulan, Edward de Valle, CEO da agência AMGW, e Hello Campos, socialite brasileira radicada em Miami, fundiram conceitos e conexões para realizar um cruzeiro para os compradores das 52 unidade de luxo em um condomínio particular em South Beach Miami.

A exclusividade da propriedade Boulan está ainda a dois passos das águas verde-azuladas de South Beach em Miami e de sua vida noturna, dando a entender que você pode estar nos dois locais de uma só vez. O serviço do Boulan é dedicado aos cuidados pessoais, estéticos ou mentais. Concluído o projeto das unidades, passando pela propriedade e quaisquer solicitações feitas ao concierge 24 horas, o Boulan South Beach é adequado para o comprador que busca um sentimento aristocrático de vizinhança e parques que trazem energia e bom gosto sempre que precisar.

O evento “Welcome to Miami” passou por quatro cidades brasileiras, Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, cujo prêmio foi a troca de ideias entre si. O cenário e os convidados para cada Boulan Introduction são influências pessoais e com a qualidade de Hello Campos.

Na cidade de Belo Horizonte, o Spa Mais Vida reconhecido mundialmente, da proprietária Renata de Abreu, apresentou o Boulan em 26 de maio para um grupo particular de convidados. Com o icônico jornalista brasileiro Paulo Navarro e a atmosfera de tranquilidade do spa, surgiu um misto de emoção no ar quando os visitantes começaram a ver a apresentação da oportunidade imobiliária do Boulan em Miami, afirmou Hello Campos. A mais alta cúpula da sociedade brasileira atendeu na noite seguinte, na abastada residência do CEO do Banco Bonsucesso SA, Sr. Paulo Henrique Pentagna Guimarães em Belo Horizonte. Os detalhes dessa apresentação do Boulan South Beach e sobre o evento em si foi impecável.

Como o setor imobiliário está presente na indústria atual precisa ser inovador, criativo, memorável e desejável. Tirando proveito de demonstrar uma propriedade personalizável ao setor imobiliário e a seus compradores, o Boulan South Beach já concedeu uma vantagem a seu nome e propriedade. Vir para o Brasil com estilo em um momento decisivo para o mercado é difícil. O outro lado dessa vinda é a Think Properties, uma das corretoras de imóveis mais dinâmicas de Nova York em conjunto com empresas de marketing, modelando os serviços de estilo de vida/concierge que os brasileiros buscam.

O evento em São Paulo foi em um local espetacular chamado Yacht Club. Mais de 110 pessoas compareceram e a qualidade desses convidados foi classificada como AAA para adquirir sua unidade no Boulan, declarou CEO Edward de Valle, da Agência AMGW.

Uma das últimas paradas foi em 1º de junho no Rio de Janeiro, com o casal de jet setters, Renato e Kiki Garavaglia, na casa deles. Uma cúpula de cariocas devidamente selecionada, experimentou o delicioso serviço de cocktails de champagne e as famosas capirinhas brasileiras de Celia Coimbra.

Edward de Valle menciona também que as últimas duas cidades visitadas também tiveram excelente rendimento e prospectamos o negócio a longo prazo, sentimos que isso beneficiará o desenvolvedor e as vendas do mercado imobiliário e do grupo de marketing Think Property.

O Brasil está quebrando todos os tipos de recordes,’’ disse Rolando Aedo, vice-presidente sênior de marketing do Greater Miami Convention e do Visitors Bureau. Tem sido nosso mercado valioso.’’ A moeda brasileira, o real, é muito forte perante o dólar, permitindo que as compras dos Estados Unidos estejam disponíveis; sua economia é robusta coloca dinheiro extra no bolso das pessoas; e os valores do mercado imobiliário brasileiro estão elevados, porém depreciados no Sul da Flórida. Há mais um elemento, com a economia fluindo tão bem, há esse senso de otimismo. Dizem ser o século brasileiro. Conforme os níveis de confiança do povo brasileiro são construídos, é natural que eles cogitem adquirir um imóvel fora de seu país.