Xuxu, a artista da tatuagem

0
752

Obra de arte é feita para ser vista, por isto a tatuagem usa o corpo das pessoas como tela

DA REDAÇÃO – Em vez de pegar um pincel, ela usa uma agulha. No lugar de uma tela, o corpo humano. A visibilidade, no entanto, é bem diferente. Enquanto o pintor precisa colocar seus quadros numa galeria de arte para serem vistos, o tatuador tem um painel ambulante a mostrar sua técnica e sua criatividade artística movimentando-se pelas ruas da cidade. Mas, uma coisa é certa: as duas alternativas são manifestações artísticas.

Pelo menos este é o pensamento de Xuxu, a tatuadora brasileira que possui um ateliê em Pompano Beach e já se tornou uma das preferidas da comunidade. “Aqui, tenho tatuado muitos brasileiros, algo que fazia pouco quando vivia em New Jersey”, diz a profissional das agulhas.

Aqui é preciso voltar no tempo para entender como Xuxu se tornou a maga da tatuagem. Esta carioca, filha de evangélicos, veio para os EUA há 17 anos em busca de novos desafios. Morando em New Jersey, conheceu seu então marido, um espanhol que sabia a arte da tatuagem.

Encantada, pediu para que ele a ensinasse. E não é que acabou descobrindo sua verdadeira vocação. Hoje, ela é considerada uma artista de primeira linha nesta arte. Mas será que é fácil tornar-se tatuador? “Não é não, a pessoa precisa de no mínimo três anos de experiência, porque a agulha não pode ficar muito superficial na pele, sob risco da figura não permanecer no corpo, nem muito profunda e deixar cicatriz”, explicou a especialista.

Xuxu é quem desenvolve suas próprias criações, “porque atualmente as pessoas estão pedindo mais tatuagens criadas sob medida”. Desta forma, ela tanto pode desenhar a tatuagem em um papel e depois imprimir isto para aplicar sobre o corpo do cliente como pode desenhar diretamente a figura no corpo. Ou seja, é preciso ter talento artístico para se aventurar no fascinante mundo da tatuagem. E ela fala com conhecimento de causa porque está há 13 anos fazendo tatuagens nas pessoas, três deles na Flórida, local que ela adotou em razão do clima, do alto astral e da vibração.

Seringas descartáveis

Outro fator que merece muita atenção de Xuxu é o uso de seringas descartáveis. Em vez de montar um equipamento para esterilizar as agulhas e correr o risco de transmitir algum tipo de doença a seus clientes, ela optou por somente trabalhar com seringas descartáveis. “Uso e logo em seguida jogo no lixo, acho mais seguro e menos trabalhoso”, garantiu.

A tatuadora disse nunca ter tido problemas com pessoas reclamando de seus trabalhos, mas segue um princípio básico: “Não faço tatuagem em menores de 18 anos”. Ela também não faz tratamento a laser para remoção de tatuagens. Sobre o fato de a pessoa envelhecer com tatuagens no corpo, não vê nada de mal: “Acho que continua legal do mesmo jeito”.

Como descobriu sua veia artística com a tatuagem, Xuxu expandiu seus horizontes. Ela vem dedicando-se à pintura de quadros, alguns estão mesmo expostos em seu ateliê. E ainda matriculou-se num curso de teatro onde vem dando vazão à arte da interpretação.

Ser atriz? “Não, nem penso nisto. É apenas uma maneira de expressar minhas emoções”. Pode ser, mas por via das dúvidas está ensinando o atual namorado, Marcos Santos, a tatuar. Quem sabe ele não assume seu ateliê, depois que ela ser tornar famosa nos palcos e nas telas de cinema?

Quem quiser visitar o ateliê de Xuxu, deve ir à 1813 South Dixie Hwy, em Pompano Beach, telefone (954) 773-8573 ou visitar o website www.xuxutattoo.com.