As várias versões do DREAM Act

0
567

Parlamentares republicanos concordam com DREAM Act, mas querem formar residentes permanentes de segunda classe

Por Richard Lind

Não é segredo para ninguém que tanto o Partido Democrata como o Partido Republicano estão batalhando pelos corações dos eleitores hispânicos. O rumor mais recente indica que há preocupação com os inspirados esforços de alguns republicanos para apresentar versões alternativas do DREAM Act. Algumas destas versões republicanas incluem a exigência de que os solicitantes devem frequentar uma universidade ou servir nas forças armadas dos EUA para obter a residência permanente nos Estados Unidos. Nesta questão, as versões republicanas são similares às versões democratas do DREAM Act.

Entretanto, as versões republicanas são substancialmente diferentes das versões democratas na determinação das oportunidades futuras para a cidadania americana. A versão democrata do DREAM Act segue a regra tradicional de permitir às pessoas que adquirem a residência permanente através do DREAM Act consequentemente se qualificarem para obter a cidadania americana como qualquer outro residente permanente dos Estados Unidos. Num forte contraste com as versões anteriores democratas do DREAM Act, estas recentes propostas republicanas removem completamente a oportunidade de os portadores do DREAM Act se qualificarem para obter a cidadania americana.

A lógica dos republicanos para remover a oportunidade de se obter a cidadania americana reside na crença de que a preservação desta oportunidade eventualmente levaria a um aumento de imigrantes nos EUA ao estender as oportunidades aos pais, cônjuges e filhos dos portadores de DREAM Act para que se qualifiquem para um green card como parentes de um cidadão americano, de acordo com a lei tradicional.

Criar uma classe de residentes permanentes estrangeiros que podem nunca qualificar-se para a cidadania americana representa uma mudança fundamental na política imigratória americana e pode ter uma recepção hostil dos hispano-americanos que tradicionalmente abraçaram a ideia de patrocinar seus parentes para os green cards. É possível que os republicanos ou mesmo democratas que apoiam obstáculos para a cidadania para os portadores de DREAM Act podem mais perder do que ganhar o suporte dos eleitores