Brasileiro é preso em Miami acusado de se passar por advogado de imigração

0
1795

Ronaldo Varela Melo levou mais de $100 mil de vários ‘clientes’

DA REDAÇÃO, COM CBS MIAMI — Um brasileiro foi preso em Miami acusado de se passar por advogado de imigração, levando mais de $100,000 de várias vítimas.

Ronaldo Varela Melo, de 38 anos, foi levado à corte na sexta-feira (28), onde foi formalmente acusado de roubo, fraude e falsidade ideológica.

A Florida Highway Patrol consegui prender Ronaldo na quinta-feira, quando supostamente ele preparava uma fuga para o Brasil. A polícia divulgou que ele levou cerca de $100 mil de várias pessoas ao fazer-se passar por advogado de imigração. Os lesados fizeram queixa ao Florida Bar contra Ronaldo, levando à investigação que acabou descobrindo que o brasileiro não possuía licença para a prática no estado da Flórida.

De acordo com o boletim de prisão, Ronaldo passava-se ilegalmente por advogado de imigração a fim de roubar estrangeiros na Flórida, e ainda promovia táticas de extorsão ao demandar mais dinheiro sob ameaça violenta e/ou de deportação.

A fiança do brasileiro foi fixada em $690,000.