Brasileiros dominam a eleição dos piores do Campeonato Italiano

0
587

Adriano recebe, pela terceira vez, o ‘Penico de Ouro’. Ronaldinho Gaúcho e Amauri também foram bem votados

Os jogadores brasileiros dominaram a eleição do ‘Penico de Ouro’, um prêmio nada honroso entregue aos piores atletas do futebol italiano.
Este ano, o ‘agraciado’ foi o atacante Adriano, que voltou ao País da Bota depois de conquistar o título do Brasileirão em 2009 pelo Flamengo. No entanto, no retorno ao Roma, que está na sexta colocação do certame italiano, não foi como ele e a torcida esperavam.

Adriano atuou como titular apenas uma vez nesses sete meses de temporada europeia. Vencedor do mesmo ‘prêmio’ em 2006 e 2007, quando ainda jogava pela Internazionale de Milão, Adriano não balançou as redes adversárias e tem sofrido com seguidas contusões. Mas mesmo com o insucesso no Roma, o jogador está sendo pretendido por várias equipes, como Corinthians, Palmeiras e Flamengo.

Para piorar, outros dois brasileiros também foram bem votados no ‘Penico de Ouro’. Amauri (Juventus) e Ronaldinho Gaúcho (Milan) ficaram, respectivamente, em segundo e terceiro lugares na votação. Os nossos conterrâneos, aliás, costumam ser bem lembrados nesta eleição. No ano passado quem levou o caneco foi o também brasileiro Felipe Melo, da Juventus.