Histórico

Chega às costas da Flórida um grupo de 20 imigrantes

Alguns foram levados ao hospital com suspeita de desidratação

As autoridades americanas detiveram nesta terça-feira(15) 20 imigrantes, provavelmente cubanos, que chegaram às costas da Flórida, informou um portav-oz da Patrulha Fronteiriça dos EUA.

Os imigrantes, 14 homens, quatro mulheres e duas crianças, a bordo de duas embarcações, chegaram nesta madrugada às 5h30 (hora local) em Marco Island, perto da cidade de Naples, no sudoeste da Flórida.

Dez dos imigrantes tiveram de ser trasladados a um hospital próximo porque apresentavam sintomas de desidratação, declarou o porta-voz da Patrullha, enquanto os demais estão sendo interrogados nas dependências deste órgão federal.

Um porta-voz da Patrulha disse que “provavelmente” os imigrantes sejam cubanos. Neste caso, segundo o decreto presidencial “pés secos e pés molhados”, os cubanos interceptados no mar, mesmo que a a poucos metros da margem, devem ser repatriados.

No entanto, aqueles que conseguem pisar em terra firme podem permanecer nos Estados Unidos e ao cabo de un ano obter a residência, de acordo com a Lei de Ajuste Cubano.