Cinema brasileiro volta a ser notícia no sul da Flórida

0
670

‘A Casa de Alice’ será exibido em salas de Miami e West Palm Beach, em julho

Poucos dias depois da realização do Brazilian Film Festival, que tornou Miami a capital mundial do cinema brasileiro, as salas de projeção do sul da Flórida vão exibir, em julho, mais uma produção nacional: ‘A Casa de Alice’, primeira obra de ficção do documentarista carioca Chico Teixeira, estará em cartaz, por duas semanas, no Cosford Cinema (no campus da University of Miami, em Coral Gables) e no PGA Cinema 6 (em Palm Beach Gardens). A estréia nas telas americanas será no dia 18 de julho, falado em português e com legendas em inglês.
O filme, premiado em vários festivais internacionais de cinema, retrata com detalhes a vida de uma família paulistana de classe média, onde não faltam crises (inclusive financeira), segredos e sonhos, como em qualquer lar brasileiro. Uma das razões para o sucesso do filme, aliás, é a identificação do espectador com os personagens da trama, principalmente com a manicure Alice, interpretada por Carla Ribas, uma mãe de família cansada e entediada.
A atriz, que começou a carreira aos 35 anos de idade e jamais havia atuado como protagonista de um longa-metragem, teve atuação surpreendente e levou vários prêmios para casa: Troféu Redentor de Melhor Atriz, no Festival do Rio; Prêmio Bandeira Paulista de Melhor Atriz, na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo; Prêmio Especial do Júri, no Festival Internacional de Miami; e Prêmio Especial do Júri de Melhor Atriz, no Festival de Guadalajara.
O diretor, também premiado e aplaudido de pé em festivais como o de Madri (Espanha) e Guadalajara (México), tem uma visão contida da vida e das relações humanas. Introspectivo, ele confessa que prefere os dias nublados, sem chuva, do que os de sol. “Não acredito quando as pessoas falam que está ‘tudo ótimo’. Não está. A vida é muito difícil”, diz Chico Teixeira. Este realismo – “e não pessimismo”, como ele gosta de falar – acabou refletido no seu filme, onde a maior preocupação foi focar a câmera nas reações dos atores.
Chico Teixeira está trabalhando agora numa outra ficção, sobre dois irmãos adolescentes, de 13 ou 14 anos, e como eles vêm o mundo. Ele ainda não sabe bem qual será a temática central, mas sugere que pensa em algo como a rejeição, abandono. Mas até este próximo filme, o público do sul da Flórida poderá curtir ‘A Casa de Alice’, distribuído na América pela FiGa Films. Para mais informações, inclusive o horário das sessões, acesse os sistes dos dois cinemas: www.miami.edu/cosford e www.palmbeachpost.com/movies. Os interessados podem conferir o trailer no Youtube (http://youtube.com/watch?v=VGTxazIpYz0).