Cinturão da categoria peso-pena do UFC fica no Brasil

0
933

Xxxxx xxO cinturão do UFC ficou com o lutador José Aldo. Numa luta do jeito que todo fã de luta gosta, Aldo defendeu o cinturão dos penas do UFC em casa. Em um Maracanãzinho em êxtase, José Aldo derrotou Chad Mendes em uma batalha de cinco rounds para manter-se como único brasileiro no topo de sua categoria na principal organização de MMA do mundo.

Após 25 minutos de luta intensa, os três juízes pontuaram 49 a 46 em favor de Aldo – ou seja, quatro rounds para o brasileiro contra um do desafiante.

“Dever cumprido, eu vim pra isso, manter meu cinturão. Vou continuar sendo campeão!”, disse o campeão após a luta, elogiado inclusive por Chad Mendes. “Eu tenho que assistir para saber o que aconteceu. Foi divertido entrar no octógono com o Aldo novamente. Obviamente, o resultado não foi o que eu queria, mas vou assistir, ver o que fiz de errado e consertar.”

A luta foi considerada a melhor da noite. Dana White também se empolgou e fez fortes elogios aos lutadores. “Essa luta foi incrível demais e Chad Mendes foi para cima com tudo. Acho que ele trouxe o melhor de José Aldo. Essa foi a maior luta valendo título da história da divisão dos penas que já vi. Essa luta levou José Aldo a um outro nível, em todo lugar. Em todo o mundo, não só no Brasil. A luta desta noite foi inacreditável”, disse.