Colorado atrai pessoas em busca de remédio feito de maconha

0
383

Pais americanos estão se mudando para o estado do Colorado, onde a maconha para uso recreativo foi legalizada, para conseguir tratamento para crianças que têm um tipo raro de epilepsia. O óleo conhecido como CBD é produzido a partir da planta e não possui efeitos psicoativos. Ele têm sido usado com sucesso para atenuar as convulsões nestes casos.

Seus efeitos não foram comprovados cientificamente, mas as histórias de sucesso têm atraído cada vez mais famílias ao estado. A procura tem chamado a atenção dos laboratórios. Uma empresa americana que fabrica medicamento a partir de substância encontrada na maconha quer aproveitar as recentes mudanças na lei do Uruguai para cultivar uma variedade da planta no país e usá-la na produção do remédio a ser vendido nos EUA.

O medicamento é um óleo feito a partir da variedade da cannabis conhecida como ‘Teia de Charlotte’ e usado no tratamento de epilepsia infantil. Ele vem sendo aplicado em cerca de 180 crianças na cidade de Colorado Springs, no Colorado, que liberou o consumo recreativo da maconha em janeiro deste ano, como fez o Uruguai.

O tratamento diminui significativamente o número de convulsões, especialmente em pacientes portadores de epilepsia refratária, cujo tratamento com medicamentos tradicionais nem sempre oferece melhoras na qualidade de vida do paciente.