Comida boa, diversão e arte, Buenos Aires tem!

0
2894
Linda escultura em mármore branco, doação particular
Linda escultura em mármore branco, doação particular

Buenos Aires, a capital da Argentina, vale não só uma, mas muitas missas… Com a licença de Henrique IV, Rei de Navarra e da França, que disse esta famosa frase: Paris vale uma missa, quando decidiu se converter ao catolicismo para chegar ao trono francês.

Viajar para Buenos Aires vale demais a pena, pois lá se come uma das melhores carnes de gado do mundo, se pode assistir shows de tango, a típica, famosa dança argentina “in loco”, e também visitar muitos e excelentes museus. De vez em quando dou uma escapada para lá, acho a capital portenha muito linda e agradável, com suas largas avenidas, seus cafés tradicionais, seus antiquários fantásticos, bons restaurantes, museus importantes e o Teatro Colón, que segundo o famoso maestro e pianista Daniel Barenboim, possui a melhor acústica de todo o mundo. Não por acaso ele é argentino (entendam o que quiserem)…

Falando no maestro Barenboim, tive muita sorte de estar em Buenos Aires no final da temporada anual dele no Colón e é claro, fui assisti-lo na sua última apresentação regendo a West-Eastern Divan Orchestra. O turista pode e deve conhecer o lindo Teatro Colón fazendo a visita guiada. Outros pontos turísticos importantes, que eu finalmente conheci, são Museu de Arte Latino-Americana de Buenos Aires ou Malba como é mais conhecido, e o Museu Nacional de Belas Artes.

O Malba ostenta como sua master piece, o nosso Abaporu de Tarcila do Amaral, a tela brasileira mais valorizada no mundo, e que foi comprada por um colecionador argentino e criador do Malba. Não falo seu nome, pois queria que esta tela estivesse em um dos nossos museus… Mas, pensando bem, ainda bem que ela não pertencia ao acervo do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, que pegou fogo em Julho de 1978, destruiu quase todas as 1.000 peças do acervo, entre elas 2 telas de Picasso, outras 2 de Miró e 80 telas do pintor uruguaio Torres-Garcia, foi um horror! Visitando estes dois museus argentinos, vi algumas telas do Torres-Garcia e lembrei do incêndio do MAM do Rio… Fiquei muito impressionada com o Museu Nacional de Belas Artes argentino.

Com certeza é um dos mais importantes do mundo, com um acervo de mais de 12.000 peças, e com quase todos os ícones das artes do mundo civilizado:

Goya, Rembrandt, El Greco, VanGogh, Gauguin, Manet, Monet, Degas, Modigliani, Pollock, Picasso, Léger, etc, e a maior coleção do mundo dos principais artistas plásticos argentinos. Pincei algumas obras deste museu para mostrar para vocês.