Crianças atravessam fronteira para estudar

0
924

Em cidades muito próximas à fronteira dos Estados Unidos com o México, como Del Rio, no Texas, e Ciudade Acuña, em Coahuila, divididas apenas por uma pequena ponte, é comum encontrar profissionais passando de um lado a outro para trabalhar. No entanto, isso tem acontecido também com cerca de 400 crianças e adolescentes mexicanas, que apesar de morarem em seu país natal, usufruem do benefício da educação gratuita nas escolas públicas americanas. Mas isso parece que vai acabar.

Segundo o supervisor do distrito escolar naquela área, Kelt Cooper, os funcionários da imigração serão orientados a comunicar aos pais dos alunos nesta situação, mesmo os cidadãos americanos que não vivem naquele distrito, que a presença em sala de aula de residentes no México não será mais tolerada. “Temos uma lei e estamos apenas cumprindo o que ela determina”, defendeu-se Cooper.