Cristiano Ronaldo vai jogar com Kaká

0
771

Em transação recorde, Real Madri paga 93 milhões e tira craque português do Manchester United

Menos de uma semana depois de pagar 65 milhões de euros para tirar o brasileiro Kaká do Milan, o Real Madri voltou a abrir seu cofre e anunciou a contratação de mais uma estrela mundial do esporte: por 93 milhões de euros, o Manchester United liberou Cristiano Ronaldo, eleito o maior jogador do mundo este ano, que vai vestir a camisa do time espanhol na próxima temporada. Esta foi a transação mais alta da história do futebol.

O português já havia manifestado o desejo de jogar pelo Real Madri e é mais uma peça do elenco galáctico que o presidente Florentino Pérez prometeu à torcida ao reassumir o cargo há poucos dias. O dirigente, responsável pela contratação quase simultânea de Zidane, Beckham e Ronaldo na década passada, prometeu – e, pelo visto, está cumprindo a promessa – que formará o time mais poderoso do mundo. As aquisições de Kaká e Cristiano Ronaldo servem também para abafar o fato de que o maior rival do Real Madri, o Barcelona, venceu todos os torneios que disputou este ano: o campeonato espanhol, a Copa do Rei e o torneio da Uefa.

Com Kaká e Cristiano Ronaldo, vencedores dos prêmios de melhor jogador do mundo da Fifa nos dois últimos anos, o time de Madri detém o título das três maiores negociações do futebol mundial – a outra foi em 2001, quando o mesmo Florentino Pérez pagou 78 milhões de euros pelo francês Zinedine Zidane, então na Juventus da Itália. Segundo a imprensa espanhola, Pérez tem pelo menos dois outros alvos dignos de ser chamados de “galácticos”. O meia-atacante francês Franck Ribéry (Bayern de Munique) e o centroavante sueco Zlatan Ibrahimovic (Inter de Milão) são transferências cotadas.