Cuba vai liberar missas e cultos

0
600

Governo comunista autoriza celebração religiosa nas prisões após 50 anos da Revolução

Sinal verde para manifestações religiosas em Cuba. Pela primeira vez em 50 anos, o governo comunista autorizou a celebração de missas e cultos religiosos nas prisões do país. Segundo o presidente do Conselho de Igrejas da ilha, Marcial Miguel Hernández, disse que a realização dos atos dependerá da solicitação dos detentos. “Para nós, é a expressão e o ato de boa vontade das autoridades cubanas à proclamação da fé cristã”, acrescentou. As igrejas e o governo cubano estão superando a mútua desconfiança que marcou suas relações por décadas depois da revolução do líder Fidel Castro, em 1959, que depôs o governo de Fulgêncio Batista.