Democratas tentam liberar habilitação sem a necessidade do número de seguro social

0
492

Proposta foi apresentada em Washington DC e deve reavivar o debate imigratório na capital dos EUA

Uma boa notícia para os imigrantes vem de Washington DC. Dois membros do conselho ” o equivalente a vereadores ” apresentaram uma proposta que pode garantir aos indocumentados a oportunidade de obter a carteira de motorista sem a necessidade de apresentação do número de seguro social. Phil Mendelson e Jim Graham, ambos democratas, argumentaram que há milhares de motoristas em situação irregular na capital americana e a medida poderia tirá-los das sombras ,”Se alguém está aqui ilegalmente e o governo federal ainda não tomou conhecimento, é melhor que estejam com um documento de identificação”, afirmou Mendelson.

Já Graham, que representa um distrito onde vivem muitos hispânicos, admitiu que tal legislação facilitaria aos indocumentados a obtenção da carteira de habilitação, já que o Departamento de Veículos Automotores (DMV, em inglês) exige a apresentação do Social Security. “Vai continuar do mesmo modo, mas a proposta é no sentido que o DMV não pode negar o documento a alguém que não tiver o número”, disse. Segundo eles, há vários americanos que, por qualquer razão, preferem não tem o seguro social.

O projeto certamente vai reavivar a discussão imigratória em Washington DC, no quintal do Congresso Nacional. Por incrível que pareça, lá as forças policiais costumam ser tolerantes com os indocumentados, provavelmente pelo grande número de estrangeiros. No entanto, as chances de aprovação da lei são pequenas, devido à maioria dos republicanos na Câmara dos Representantes. Mesmo no Conselho, nem todos estão certos de que esta é uma boa saída. “Preciso estudar mais a proposta”, rebateu Mary Cheh, também democrata. O prefeito de Washington, Vincent Gray, é do mesmo partido e não se manifestou a respeito.