Dilma troca passes com DAlessandro e reinaugura Beira-Rio

0
1097

Presidente faz solenidade oficial no estádio da Copa, com Ronaldo e Jeróme Valcke, antes de cumprimentar operários

A presidente Dilma Rousseff inaugurou em uma solenidade simbólica, na manhã desta quinta-feira (20), o Estádio Beira-Rio. A mandatária esteve no local e cumprimentou jogadores do Internacional e operários da Andrade Gutierrez, além de trocar passes com o capitão colorado, D’Alessandro, no centro do gramado da casa colorada. Além de Dilma, Ronaldo e o secretário-geral Jeróme Valcke e o ministro do esporte, Aldo Rebelo, também estiveram presentes.

A presidente chegou ao estádio por volta das 9h10. Entrou no Beira-Rio e foi recepcionada pelo governador Tarso Genro. Após uma conversa rápida, rumou para o gramado do estádio, onde os atletas, operários e demais pessoas presentes esperavam Dilma.

O ato principal da manhã teve início quando Dilma, depois de momentos de certa indecisão, deu um passe para D’Alessandro, no meio campo, após receber instruções de Ronaldo. Após os passes, abraçou o argentino e cumprimentou novamente os jogadores do Inter.

Caminhou pelo gramado do Beira-Rio com a bola debaixo do braço, com assinatura dos jogadores colorados e da própria presidente, e por volta das 9h25, escoltada por Genro e o prefeito José Fortunati, foi até os operários da empreiteira e jogou o objeto para as arquibancadas. Depois, recebeu abraços e conversou cara a cara com os trabalhadores. Autografou macacões, ouviu atentamente um deles, e bateu muitas fotografias.

O clube gaúcho e os governos de Porto Alegre e do Rio Grande do Sul selaram o acordo que soluciona o impasse das estruturas temporárias do estádio. A ideia é que a iniciativa privada possa investir e ganhar incentivos fisicas do governo em troca.