“Do lixo ao luxo”, brasileiro faz arte com objetos descartados em New York

0
2296

O artista carioca Vinicius Ribeiro transforma o lixo da Big Apple em arte

Ana Paula Franco

O artista carioca Vinicius Ribeiro transforma o lixo da Big Apple em arte

As lixeiras dos americanos são conhecidas por terem móveis, eletrônicos e diversos objetos de valor que são descartados ainda novos. Enquanto uns desperdiçam, outros usam a criatividade para ganhar a vida com o que os outros jogam no lixo.

Esse é o caso do carioca Vinicius Ribeiro, de 38 anos, que encontrou nesses dumpsters (caçambas de lixo) o ouro que precisava para sua arte. “Eu acho muita coisa nova no lixo. O que não serve para mim hoje vai servir para alguém amanhã. E a minha casa é toda assim. Meu trabalho é esse, transformar o lixo em luxo, em lixo chique. Infelizmente na nossa cultura só damos valor às coisas novas que são saídas das lojas. Não temos o hábito de reciclar e transformar. E isso é maravilhoso”, diz Vinicius. Objetos como cadeiras, mesas, esculturas, pufes, espelhos, mesas, sapatos, vestidos, quadros, sofás e cadeiras que, a primeira vista, são simples e sem vida, se tornam peças de decoração que viram a tiete de qualquer sala, quarto ou cenários para fotos e eventos.

Ele saiu do Rio de Janeiro em 2001 e veio para os Estados Unidos estudar. Ribeiro conta que saiu do Brasil por não ter liberdade para viver sua vida, muito menos sua arte. “Venho de uma família com valores tradicionais e eu precisava ser livre. Encontrei essa liberdade na América. Por aqui empregados e empregadores estão no mesmo patamar. Hoje somos servidos, amanhã poderemos servir. Vi que as pessoas aqui são respeitadas pelo que elas são e vi que era isso que eu queria”, disse.

Vinicius conta que sempre conviveu com as artes desde pequeno. Já trabalhou como ator e, em New York, estudou pintura. Sua inspiração é o artista plástico Vik Muniz, radicado em NY e famoso por criar peças com objetos retirados do lixo, restos de demolição e até alimentos. “Tive a oportunidade de conhecer Vik Muniz numa festa e fiquei impressionado com sua simpatia e humildade. É um grande artista e minha inspiração”, completa.

Hoje Ribeiro trabalha em parceria com o fotógrafo brasileiro Clecio Lira na produção de cenários para fotos. Ele também é produtor de eventos. “Os amigos também me pedem que eu transforme o lixo em objetos de decoração”, acrescenta. O objetivo do artista é que seu trabalho chegue a uma galeria de arte em New York. Quem estiver interessado em conhecer um pouco mais sobre o trabalho de Vinicius Ribeiro vinnienyc212@gmail.com ou no Facebook Dumpster Chick.