Dois filmes brasileiros destacam-se no 23º Miami Film Festival

0
656

Anjos do Sol vence e a atriz Alice Braga ganha menção honrosa por atuação em Cidade Baixa

Terminou neste domingo o 23º Miami Film Festival com boas notícias para os cinéfilos brasieliros: duas produções ficaram entre os vencedores e uma a atriz brasileira Alice Braga ganhou menção honrosa por sua atuação no filme Cidade Baixa, do diretor Sérgio Machado, escolhida pelo Grande Júri na categoria Dramatic Features – Ibero-American Cinema Competition. O filme Anjos do Sol, do diretor Rudi Lagemann, faturou o prêmio de opinão pública também na categoria Dramatic Features – Ibero-American Cinema Competition.
A atriz Alice Braga, que estrela o filme Cidade Baixa, foi destaque também no encerramento do festival, apresentando a cerimônia de entrega dos prêmios ao lado do ator José Antonio.
A diretora brasileira Laís Bodanzky faturou uma licensa de trilha sonora, avaliada em $130,00, para produção União Fraternal. O projeto foi escolhido entre dezenas que participaram do Miami Encuentros.
As principais categorias do Miami Film Festival tiveram como vencedores Vida y Color, do espanhol Santiago Tabernero, na categoria Drama – Iberoamericano ($25,000), En el Hoyo, do mexicano Juan Carlos Rulfo, que levou o prêmio na categoria Documentário ($ 25,000) e os filmes Accused, do dinamarquês Jacob Thuesen, e Burnt Out, da francesa Fabienne Godet, dividiram o prêmio da categoria Drama – Cienema Mundial.
A cerimônia aconteceu no Gusman Center for The performing Arts, na noite de sábado, mas o festival continuou no domingo, exibindo outros filmes. Entre eles quatro produções brasileiras – Cidade Baixa, Anjos do Sol, A Máquina e Viniciuas de Morais. O filme sobre o compositor brasileiro, dirigido por Miguel Faria, foi um dos mais prestigiados.
Após a exibição a festa brasileira continuou na Lincoln Road, com um after party promovido no Yuca bar e restaurant, que teve como atração Rose Max, Ramatis e convidados, interpretando sucessos de Vinicius de Morais.