Dólar teve sensível queda na última semana

0
559

Boa notícia para os brasileiros que estavam aflitos com a subida vertiginosa do dólar nos últimos meses. Na última semana, o dólar virou e passou a operar em baixa ante o real nesta abaixo de R$ 2,62, após números fracos sobre o varejo nos Estados Unidos reforçarem a perspectiva de que o Federal Reserve, banco central norte-americano, será “paciente” para elevar os juros.

Na última quarta-feira (14), a moeda norte-americana recuava 0,8%, a R$ 2,6159 na venda, na menor cotação em mais de 1 mês. A última vez que o dólar fechou abaixo de R$ 2,62 foi em 10 de dezembro, quando terminou o dia cotado a R$ 2,6125 na venda. As vendas no varejo nos EUA recuaram 0,9% em dezembro, acima das expectativas. Após a divulgação do indicador, o dólar ampliou a queda frente ao euro. A manutenção dos juros norte-americanos nos atuais patamares, quase zerados, manteria a atratividade de ativos que pagam juros maiores, como o brasileiros.

Os investidores receberam bem as declarações sobre o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, reforçando a política fiscal mais austera que está sendo implementada. Mas investidores ainda adotaram uma postura cautelosa, diante da contínua queda dos preços do petróleo às mínimas em quase seis anos.