DOLPHINS CORNER: Atuação de Matt Moore encanta técnico

0
553

Uma andorinha só não faz verão, mas a atuação de Matt Moore dá esperança de que o Miami Dolphins pode finalmente ter encontrado um quarterback confiável.

Na contundente vitória de 31-3 sobre os Chiefs, no domingo no Arrowhead Stadium de Kansas City, Moore deu passes para três touchdowns pela primeira vez nos Dolphins desde dezembro de 2008 com Chad Pennington. Justamente, desde que Pennington se lesionou em 2009, os Dolphins sofrem para encontrar um titular para a posição mais importante do futebol americano.

Agora com Moore, em sua quarta partida como titular com os Dolphins, as expectativas são enormes e espera-se um novo triunfo no choque contra os Redskins de Washington, no domingo no Sun Life Stadium em Miami. Matt jogou realmente bem, afirmou o treinador dos Dolphins, Tony Sparano. Teve total controle, sem erros mentais. Passou muito bem, e confirmou o que vinha fazendo nos treinos, completou.

Brandon Marshall não economizou elogios para Moore. Matt fez um grande trabalho em envolver toda a ofensiva, comentou o wide receiver. Passou a bola para nossos tight ends, receivers e running backs. Isto constrói a química da equipe.

As palavras de Marshall são significativas porque sua relação com Chad Henne, que deslocou o ombro em 2 de outubro e está fora da temporada, foi muito difícil e ambos tiveram discussões públicas.

O ambiente mudou nos Dolphins (1-7) após sua primeira vitória da temporada. Demos um passo adiante e parece uma montanha gigantesca, filosofou Sparano. Algumas vezes a montanha não é tão alta, senão ninguém teria escalado o Monte Everest.

No próximo domingo o adversário será a equipe dos Redskins (3-5), que também não faz boa campanha na NFL.