Dunga já convocou a seleção

0
473

Selecionado brasileiro terá onze atletas que jogam em times italianos

Para o primeiro compromisso da seleção brasileira de futebol em 2009, o técnico Dunga decidiu convocar apenas jogadores que atuam no exterior. A lista contém 11 atletas que atuam na Itália, adversária do amistoso que será jogado no Emirates Stadium. O Milan foi o clube que mais cedeu jogadores com o zagueiro Thiago Silva, os meias Kaká e Ronaldinho, e o atacante Alexandre Pato. A Roma teve convocados o goleiro Doni, o zagueiro Juan e o meia Julio Baptista, a Inter cederá o goleiro Júlio César, o lateral-direito Maicon e o atacante Adriano, e a Fiorentina teve o volante Felipe Melo na relação.

O treinador, inclusive, já passou pelo futebol italiano quando era jogador, ficando por seis anos no país. Calmo, o técnico tratou de elogiar a obediência e a disciplina tática dos italianos, e ressaltou principalmente o modo como o país vê o futebol. “O italiano tem uma análise mais fria de cada jogador. Eles observam a posição e cobram com a função que eles teriam. Aqui a gente é muito saudosista, melancólico. Pensamos no zagueiro que sai driblando, e não se ele protege bem a defesa”, avaliou.

Após os clubes da Itália, os espanhóis tiveram quatro jogadores convocados (os laterais Daniel Alves, Adriano e Marcelo, e o atacante Luis Fabiano), seguido pela Inglaterra (três), Alemanha (dois), Grécia e Portugal (ambos com um). Os atletas devem se apresentar à seleção em 8 de fevereiro, realizam o único treino no dia seguinte e disputam o amistoso na quarta-feira. Será a 13ª vez que Brasil e Itália se enfrentarão, sendo que cada seleção venceu cinco partidas e marcou 19 gols. Dois jogos terminaram empatados.