Educadores brasileiros vêm a Broward conhecer sistema de ensino americano

0
590

Grupo de três diretores vai ficar por duas semanas observando as escolas da Flórida


Rogério Pereira Simões (GO), Sirlei Izabel de Freitas (MS), Maria Lenice de Lima Barreto (SE) e Hudson Thomas

Três diretores de escola no Brasil vão participar de duas semanas de intercâmbio com diretores de escolas americanas em Broward. A iniciativa faz parte do programa 2013 Educational Seminar International Exchange (Seminário de Educação Internacional) e começou na quinta-feira (17) e continua até o dia 28. Todo o programa tem investimento da Secretaria Estadual de Educação do Estado da Flórida e Embaixada dos EUA no Brasil.

A escola escolhida para ser a sede dos encontros é a Pompano Beach High School. O diretor da escola Hudson Thomas garante que a agenda dos três diretores, Maria Lenice de Lima Barreto, de Sergipe; Rogério Pereira Simões, representando Goiás, e Sirlei Izabel de Freitas de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, é extensa. Eles visitarão várias escolas, Everglades, universidades, apresentações culturais e esportivas, Orlando e shopping malls.

“Nós temos dezenas de estudantes brasileiros só na nossa escola. Queremos saber como é o sistema de onde eles vêm e explicar para os diretores brasileiros como é o nosso sistema”, resume o Thomas. A segunda etapa do programa é levar diretores americanos de escolas da Flórida para visitar escolas no Brasil. A viagem está marcada para junho de 2014.

Sirlei Izabel de Freitas é diretora há quinze anos da Escola Estadual Olinda Conceição Teixeira Bacha, no conjunto Buriti, em Campo Grande. Ela conseguiu uma das três vagas para a viagem como prêmio pelos trabalhos desenvolvidos com os jovens da sua escola. “Foi um processo longo, mas valeu a pena. Agora quero aprender tudo o que for possível e levar daqui novas ideias para as escolas de Campo Grande”, disse ela que comanda um grupo de 1200 estudantes.

Entre os projetos que levaram Sirlei Izabel a ganhar a viagem através do Prêmio Gestão Escolar estão a criação de uma agência de propaganda formada por alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e o Projem Urbano, em que a escola abre portas no período noturno para que jovens adultos possam completar o ensino fundamental e médio.

Os três diretores foram recebidos na manhã de quinta-feira (17) em uma recepção com dezenas de representantes do conselho escolar do condado de Broward na escola Pompano Beach High. Na ocasião, o prefeito de Pompano, Lamar Fisher, agradeceu a participação dos brasileiros. “Estamos honrados por ter sido escolhidos pelo estado da Flórida para receber esses diretores e poder trocar ideias sobre nosso sistema de ensino”, disse.