Embraer construirá fábrica para jatos executivos na Flórida

0
420

Projeto abre 200 postos de trabalho

A Embraer construirá na Flórida uma unidade de montagem e acabamento de aviões executivos, numa iniciativa que demandará investimentos na faixa de 51 milhões de dólares. O anúncio foi feito após uma reunião entre o presidente da fabricante brasileira de aviões, Frederico Curado, e o governador da Flórida, Charlie Crist, que escolheram como sede do novo projeto a cidade de Melbourne, a 140 milhas ao norte de Miami.

“A nova fábrica será a primeira de sua categoria nos Estados Unidos. Será dedicada à montagem final, à pintura e à entrega do produto, além de um escritório de atenção ao cliente, que administra os pedidos do jato executivo Phenom”, informou um assessor do governo do estado, em comunicado oficial. O compromisso da empresa é criar 200 postos de trabalho até 2011, que incluem especialistas em montagem de aviões, planejamento por produto, qualidade e logística, design interior do avião, administração, algumas funções de engenharia, pintura dos aviões, entrega do produto e vôos de teste, entre outras funções.

O presidente da Embraer está animado com o projeto. “É importante para nossa companhia instalar uma unidade de montagem nos EUA para preencher a crescente demanda de aviões executivos”, disse Curado, acrescentando que a nova unidade terá 14 mil metros quadrados de área. A Embraer é um dos principais fabricantes de aviões executivos do Brasil e terceiro no mundo. A matriz da empresa nos EUA fica em Fort Lauderdale, aqui mesmo no sul da Flórida.

Quem também vibrou com a notícia foi o prefeito de Melbourne, Harry Goode, que também estava presente à audiência: “O sucesso da Embraer em todo o mundo se baseia em seu compromisso com os clientes e com a qualidade de seus produtos. Acreditamos que a nossa cidade possui todos os elementos para continuar o sucesso da Empresa nos Estados Unidos. Estou entusiasmado pela oportunidade e acredito que há vários outros benefícios para a nossa comunidade, pois a visita de clientes à instalação provavelmente resultará em receitas com estadias em hotel, restaurantes e visitas a atrações locais. Isto também representa uma grande vitória para Melbourne”, disse o prefeito.