Ex-Fifa vira informante do FBI em casos de corrupção no esporte

0
876

Ex-Fifa vira informante do FBI em casos de corrupção no esporteO norte-americano Chuck Blazer, ex-membro do Comitê Executivo da Fifa, estaria atuando como informante do Federal Bureau of Investigation (FBI) em investigações internacionais sobre corrupção no esporte. A afirmação é de reportagem do jornal New York Daily News, que aponta a participação de Blazer na apuração de casos que podem envolver suborno e lavagem de dinheiro na maior entidade do futebol.

Blazer teria feito gravações em reuniões com dirigentes da Fifa por ocasião dos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres. Ele teria aceitado cooperar com o órgão norte-americano devido a acusações que ele mesmo vinha sofrendo por corrupção.

Entre os figurões com quem Blazer teria se reunido e gravado conversas está o presidente da Fifa Joseph Blatter. Além dele, outros 43 executivos da entidade teriam sido secretamente gravados pelo norte-americano e devidamente delatados ao FBI, que, com o crescimento da popularidade do futebol nos EUA, está de olho em possíveis irregularidades na Copa do Mundo de 2018, a ser realizada na Rússia. O chefe da comissão organizadora do evento, Alexei Sorokin, teria sido convidado por Blazer para uma reunião – devidamente gravada, é claro.

Além de sua atuação como membro da Fifa, Blazer também foi secretário geral da Confederation of North, Central American and Caribbean Association Football (Concacaf).