Falso advogado é acusado de prometer green card a imigrantes indocumentados

0
735

Promotores públicos em New York acusaram, na última semana, Howard Seidler, de 69 anos, de lesar em milhares de dólares vários imigrantes ao alegar que poderia conseguir para seus clientes a residência permanente (green card). Como parte de uma investigação secreta, o suspeito encontrou-se com um detetive à paisana na Biblioteca da Ordem dos Advogados (BAR), em 8 de abril, no Brooklyn (NY). Durante o encontro, Seidler recebeu do policial disfarçado a quantia de $3.085 para que ele conseguisse o green card e o número do seguro social. Na ocasião, ele alegou ao seu “cliente” ser um advogado especializado em imigração. As informações são do Brazilian Voice.

Algumas semanas depois, quando o detetive recebeu os documentos, foi verificado que eles eram forjados, pois o número do seguro social pertencia à outra pessoa e não havia sido apresentada nenhuma aplicação em nome do cliente junto ao Departamento de Imigração (ICE).

“Nós investigaremos de forma agressiva e puniremos qualquer estelionatário, especialmente falsos advogados que vitimam imigrantes indocumentados e roubam o dinheiro conquistado com tanto sacrifício”, disse Ken Thompson, promotor público do Brooklyn, segundo o jornal NY Daily News.

Além disso, a investigação revelou que o réu não é licenciado ou autorizado a praticar Direito em New York. Caso seja considerado culpado, Seidler poderá ser condenado a até 15 anos de detenção por falsificação de documentos e até quatro anos por oferecer serviços fraudulentos de imigração.