Felipão é o novo técnico da Seleção

0
583

Comandante do penta assume o lugar que era de Mano Menezes e tem como coordenador Carlos Alberto Parreira

 Felipão é o novo técnico da Seleção

Redação com Globoesporte.com e BBC – A CBF divulgou quinta-feira (29) que o novo técnico para a seleção brasileira de futebol é o pentacampeão Luiz Felipe Scolari. Ele substitui Mano Menezes que deixou o cargo na sexta-feira (23). A entidade extinguiu o cargo de diretor de Seleções, que era ocupado por Andrés Sanches, que deixou a posição na quarta-feira (28) e retomou o de coordenador que será ocupado pelo técnico tetracampeão, Carlos Alberto Parreira.

O anúncio era previsto inicialmente para janeiro, mas o presidente da CBF José Maria Marin resolveu apressar o anúncio da nova equipe para que eles estejam presentes nos eventos da FIFA sobre a Copa das Confederações, previstos para o fim de semana. Será a primeira competição do sucessor no comando da Seleção e, até lá, ele deverá ter apenas cinco partidas no comando da equipe.

Felipão, campeão mundial em 2002 com o Brasil, foi demitido do Palmeiras em setembro antes do rebaixamento. Em coletiva à imprensa na quinta-feira, o novo técnico se mostrou confiante com em voltar à seleção. “Nossa ideia é fazer novamente uma composição de união, de envolvimento entre a seleção e a população, para que a gente chegue à Copa do Mundo num clima positivo”, disse Scolari.

Ao responder as questões de jornalistas sobre a pressão de chefiarem a seleção que é anfitriã da Copa do Mundo, os dois disseram que estão preparados. “Eu me sinto como um garoto, rejuvenescido. Reviver uma parceria que deu certo com o Zagallo e agora com o Luiz Felipe Scolari. Agora volto como coordenador técnico. Não passa pela nossa cabeça que em casa não vamos ganhar a Copa do Mundo”, disse Parreira.

Felipão também disse que sente-se muito satisfeito em trabalhar ao lado de Parreira. “Fico 1.001 vezes feliz por ter Parreira ao meu lado. Vamos discutir juntos, trocar opiniões. É para isso que estamos aqui”, completou o técnico.

Sobre a primeira partida da seleção sob novo comando, no dia 6 de fevereiro, contra a equipe da Inglaterra, Felipão disse estar muito otimista. “Acho ótimo. Não tinha uma estreia melhor do que voltar contra a Inglaterra. Gostei, adorei ter passado pela Inglaterra, vivi lá por oito meses, e gosto muito do povo inglês. Ótimo voltar a jogar em Wembley na minha reestreia pela seleção brasileira”.