FEMA é processada por negar socorro a indocumentados

0
873

A FEMA – Federal Emergency Management Agency, será levada ao banco de réus da justiça da Flórida por negar socorro a indocumentados, após a passagem do furacão Wilma, em 2005.
Segundo advogados da Coalizão de Trabalhadores do Campo da Flórida e da Associação de Trabalhadores do Campo (Coalition of Florida Farmworker Organizations Inc. e Farmworker Association of Florida) – que estão movendo a ação-, a agência foi discriminatória contra famílias pobres e exigiu prova de status imigratório a muitos camponeses como condição para prestar socorro e disponibilizar ajuda financeira.
De acordo com as leis federais a FEMA existe para prestar socorro imediato à vítimas de desastre, sem questionamentos. Após o furacão Wilma passar pela Flórida no ano passado, deixando milhares de desabrigados e causando mortes, a FEMA teria se recusado a fornecer ajuda financeira a alguns imigrantes, alegando que eles não se qualificavam para o auxílio. Muitos desses trabalhadores ficaram desabrigados por meses, segundo afirmam os advogados.
Em junho a FEMA tentou anular o caso alegando que disponibiliza abrigos para estrangeiros “não qualificados” que fiquem desabrigados, e recorreu a uma lei federal que protege a FEMA, impedindo-a de ser processada. A Justiça não aceitou o recurso e a agIencia deverá ser julgada em Corte.