‘Ficha Limpa’ barra mais de 70 candidatos

0
783

STF analisa constitucionalidade

Para quem duvida que a legislação conhecida como ‘Ficha Limpa’ representa um primeiro passo na moralização do processo eleitoral brasileiro, aí vai uma informação: mais de 70 candidatos já foram barrados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e a expectativa é que o número passe de uma centena até a eleição de outubro. “A lei vai promover o saneamento nas candidaturas”, vibrou o presidente do TSE, Ricardo Lewandowski. Para ele, os próprios partidos têm evitado registrar candidatos condenados e representam o primeiro filtro de moralização.

Lewandowski que a Lei da Ficha Limpa pode ser considerada um avanço mesmo que seja julgada inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal no futuro. “O STF vai analisar um ou outro ponto do texto, mas espero que não derrube a lei”, torce o magistrado, que também integra a mais alta instância do Poder Judiciário do Brasil.