Fort Lauderdale quer proibir aluguel de imóveis a pedófilos

0
507

Lei será votada até o final do ano e se aprovada deixará apenas 10% da cidade livre para que pedófilos fixem residência

Da redação
A cidade de Fort Lauderdale está jogando duro com acusados de crimes sexuais. Os legisladores da região querem aprovar, até o final do ano, uma lei que restringirá a área de residência dos condenados por pedofilia. Se aprovada, 90% da cidade será restrita a esses criminosos.
A idéia é aumentar a distância permitida para que os predadores morem, em relação à escolas, daycares, parques e pontos de ônibus.
Os vereadores da cidade pretendem deixar uma área da cidade, que seja habitável por esses condenados. Pelo menos 10% da cidade poderia ser habitadas por eles. Já que baní-los seria uma medida drástica, segundo acreditam.
A lei também prevê punição para quem alugar um imóvel a um “child offender”.
Pelo menos 25 cidades do condado de Broward já aprovaram leis banindo predadores sexuais da região. Na maioria delas, a restrição é de 1,000 a 2,500 pés em relação a lugares freqüentados por crianças. Em outras cidades, condenados por esse crime contra criança não podem morar de forma alguma. A lei se aplica apenas para pedófilos condenados até outubro de 2004.