Goiás luta, mas é derrotado na final da Sul-Americana

0
642

Derrota para o Independiente na disputa por pênaltis abriu espaço para o Grêmio na Libertadores

O Goiás encerrou a temporada de 2010 da pior forma possível. Além de ter sido rebaixado para a segunda divisão, o time Esmeraldino foi derrotado na final da Copa Sul-Americana pelo Independente, no estádio em Avalleneda, depois do 3 a 1 no tempo normal. Os brasileiros jogaram melhor a maior parte da partida, mas na disputa de pênaltis o jogador Felipe desperdiçou a cobrança, dando o título aos argentinos.

Mas não foram apenas os torcedores do Independente que vibraram com o resultado. Com a derrota do Goiás, o Grêmio, quarto colocado no Brasileirão, herdou a última vaga brasileira na Taça Libertadores de 2011. O Flamengo também foi beneficado, garantindo vaga na Sul-Americana do próximo ano. É uma frustração muito grande. Ninguém lembra do vice, é como ter saído na primeira fase, lamentou o artilheiro da competição, Rafael Moura, o He-Man.

Os quatro gols do jogo no tempo normal ocorreram no primeiro tempo. Mesmo com toda a pressão da torcida adversária, o Goiás que venceu o jogo de ida por 2 a 0 não se intimidou e em vários momentos da partida foi superior, perdendo chances claras de gol. O Independiente, maior vencedor da Libertadores com sete conquistas, volta a comemorar um título internacional. O último havia sido a Supercopa de 1995.