Grafiteiros brasileiros são destaque em Miami

0
3447

Artistas têm posição de destaque no Wynwood Art District

Ana Paula Franco


Mural do grafiteiro Kobra no Wynwood Art District, em Miami

Um dos maiores espaços de arte ao ar livre do mundo, o Wynwood Art District, localizado na 25th Street ao norte de Downtown Miami, tem diversos e imponentes murais grafitados por artistas brasileiros, como: osgemeos, Kobra, Speto, Nunca e Nina Pandolfo, artistas que já tiveram seus trabalhos expostos em várias cidades do mundo.

O Wynwood foi criado em meio a depósitos, fábricas antigas e cômodos abandonados que se transformaram em espaços de arte, cafés e bares modernos. O local está a cada dia mais movimentado e cheio de turistas que gostam de programas alternativos e diferentes dos roteiros tradicionais. O bairro é composto de cinco quarteirões de galpões e todo esse espaço foi transformado na Meca das artes contemporâneas de Miami, com mais de 70 galerias, quatro museus, ateliês, brechós, lojas alternativas, cafés e restaurantes.

Os maiores nomes do grafite do Brasil estão reunidos em Wynwood. Artistas que se destacaram nas ruas de São Paulo com as mais diversas influências e que já tiveram seu trabalho reconhecido em várias partes do mundo, ganharam também espaço nesse distrito de arte.
Entre os trabalhos está o mural ‘Os Índios’ do grafiteiro Francisco Rodrigues – conhecido pelo nomo de Nunca – que ocupa uma parede inteira de um galpão e representa o choque entre índios e colonizadores da América. Nunca já pintou um avião que fez parte da aeronáutica norte-americana no Arizona.

Outra obra de arte de grafiteiros brasileiros
Outra obra de arte de grafiteiros brasileiros

No local também é possível encontrar trabalhos do brasileiro Eduardo Kobra que também já rodou o mundo graças à sua arte. Kobra apresenta obras ricas em traço, luz e sombra. O resultado é uma série de murais tridimensionais que permitem ao público interagir com a obra. A ideia é estabelecer uma comparação entre o ar romântico e o clima de nostalgia, com a constante agitação característica dos grandes centros.

Kobra afima que fica muito feliz em mostrar seu trabalho num espaço tão importante. “É uma grande alegria expor em Miami. Minha inspiração é em imagens antigas, histórias antigas que interagem com o público”, explica.

Em Wynwood o visitante também irá encontrar painéis pintados pelos irmãos gêmeos paulistanos, Otávio e Gustavo Pandolfo, conhecidos como “osgemeos” – a assinatura dos gêmeos se escreve junto. Os dois já levaram sua arte a Londres, Nova York e Berlim.
O grafiteiro Speto é considerado hoje um dos principais nomes da arte de rua do país e também deixou sua marca em Wynwood. O artista realizou seus primeiros trabalhos na década de 80 em São Paulo, cidade onde nasceu, influenciado pela cultura do hip hop recém-chegada à capital, e também por filmes clássicos que apresentavam o grafite e o hip hop para o mundo.

A artista plástica paulistana, Ana Cristina Carvalho Schimrock, mais conhecida como Kitty, veio visitar Miami e se surpreendeu com a riqueza artística do local. “A arte tem o poder de transformar um lugar abandonado em pura cultura. O lugar é agradável, o passeio e barato e prazeroso. O grafitti e um movimento das ruas que está ganhando cada dia mais espaço e admiradores e fico feliz de ver o Brasil em posição de destaque”, disse a artista.

No segundo sábado de cada mês, as galerias de Wynwood fazem um vernissage geral e o público passeia pelos espaços com guias. Confira a programação e novidades no site wynwoodmiami.com