Grupo ligado a Zuckerberg critica republicanos por causa da reforma

0
535

Um grupo político fundado pelo CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, que luta por mudanças na leis de imigração americanas para atrair mão de obra especializada de todo planeta para o mundo dos negócios americano, disse esta semana que os deputados (representatives) republicanos não têm feito o seu trabalho para agilizar o precesso de reforma imigratória, tão necessário para o país.

O grupo lançou uma nova campanha publicitária na segunda-feira (3) a fim de pressionar os republicanos na Câmara de Deputados que decidiram “não fazer nada” sobre o assunto este ano. O comercial de $500 mil irá para o ar em todos os estados por duas semanas, segundo informou a Associated Press.

“Niguém nega que precisamos de reformar o nosso sitema imigratório”, diz uma narradora, enquanto um artigo do Washington Post intitulado “Líderes do GOP estão de acordo: sistema imigratório precisa ser revisto, mas….” atravessa a tela. “Por que então os deputados republicanos estão se recusando a lidar com o assunto este ano? “

Uma das respostas seria o fato de que a reforma tem pouco apoio popular. Um estudo do instituto Pew divulgado em janeiro mostra que o assunto é o décimo-sexto em importância na lista de prioridades em políticas públicas nos Estados Unidos — atrás de “redução da influência dos lobistas”, “proteção ao meio-ambiente” e a “questão energética,” por exemplo.

Enquanto a FWD.us divulgou um relatório mostrando que os deputados republicanos raramente perderam eleições primárias por causa da questão imigratória, mesmo assim o partido prefere evitar o debate a respeito de um assunto tão polêmico, justamente num ano eleitoral.