Hillary tem mais chances de vencer McCain, diz pesquisa

0
810

Senadora venceria republicano por 50% a 41% dos votos, enquanto Obama estaria empatado

A pré-candidata  Hillary Clinton tem maior chance que seu rival na corrida democrata, Barack Obama, de derrotar o republicano John McCain na eleição presidencial dos Estados Unidos, apontou pesquisa Associated Press-Ipsos. Hillary continua na briga para reverter a vantagem até agora conquistada por Obama na corrida pela indicação do Partido Democrata.

Segundo a pesquisa, Hillary venceria McCain por 50% a 41% dos votos. Já Obama permanece tecnicamente empatado com o republicano, pois tem 46% e McCain 44%. A ex-primeira-dama vem de uma importante vitória nas primárias de Pensilvânia. Ela segue lutando para convencer os superdelegados – membros do partido que podem votar em quem quiserem, independentemente do resultado das primárias – a apoiarem sua candidatura, mas Obama segue com vantagem em número de delegados já conquistados.

O presidente do Partido Democrata, Howard Dean, defendeu também nesta segunda-feira que um dos pré-candidatos abandone a corrida após o fim das primárias, no início de junho. Para Dean, essa é a única forma de unificar o partido antes da convenção nacional, marcada para agosto, com o objetivo de vencer a eleição presidencial em novembro.

Dean não disse qual deles deveria desistir, apenas que isso deve ocorrer após as primárias. “O fim do impasse deve ser o dia 3 de junho, data das últimas primárias democratas”, afirmou, lembrando que os superdelegados podem esperar até a convenção nacional democrata, em 25 de agosto, para decidir em quem votar. Segundo Dean, porém, então já seria muito tarde para unificar o partido e derrotar o candidato do Partido Republicano, John McCain, já confirmado. Dean disse que não pedirá nem a Hillary nem a Obama a desistência.