Homem ganha $250,000 do BSO por prisão equivocada

0
845

Um júri federal recompensou um morador de Weston, William Pineiro, com $250,000 por ter dado ganho de causa a ele num processo movido contra o policial James Cady, do Departamento de Polícia de Broward, que o prendeu de maneira equivocada.

O julgamento, formalizado nesta terça-feira, garante $25,000 em danos punitivos e $225,000 em danos compensatórios.O porta-voz do Departamento de Polícia de Broward, Jim Leljedal, informou que Cady está decidindo se irá apelar da decisão.

Pineiro, de 49 anos, foi preso em dezembro de 2009 durante uma festa em Dania Beach e acusado de obstrução de justiça. As acusações foram depois retiradas.

Pineiro disse que Cady o atacou como um jogador de futebol americano depois que ele perguntou seu nome e questionou o motivo pelo qual dois amigos estavam sendo presos.

Os policiais foram até a casa atendendo a uma reclamação sobre barulho.

Hugh Koerner, advogado de Pineiro, disse que as fotos da prisão ajudaram a provar o caso. Cady disse que Pineiro incitou um tumulto, mas as fotos claramente mostram que não havia ninguém por perto, completou Koerner.